Fábio Mello

Foi contemplado pelo Prêmio Funarte de Música Brasileira

Fábio Mello é Instrumentista e compositor. Iniciou seus estudos musicais aos oito anos de idade. Em 2000, ingressou no curso de Licenciatura em Música da Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC) e, em 2004, entrou para o Conservatório Musical de Tatuí/SP, no curso de Saxofone/MPB e Jazz. Integrou diversos conjuntos, entre os quais o grupo Ritmos Brasileiros, com o pianista André Marques, e o grupo de choro Quebrando Galho. Em 2008, desenvolveu um trabalho de pesquisa e aprimoramento com João Francisco Corrêa, explorando técnicas interpretativas no Choro. No ano seguinte, integrou a Orquestra Sinfônica de Santa Catarina (OSSCA).  Em 2013, o seu projeto “Choro a Quatro” foi contemplado pelo Prêmio Funarte de Música Brasileira e pelo Edital Elisabete Anderle de Estímulo à Cultura (SC). Fábio atua há dois anos como pesquisador do Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência (PIBID), criando arranjos e composições inspiradas em ritmos brasileiros e investigando o conceito de Paisagem Sonora aplicado ao contexto da educação musical.  Atualmente, está inserido em um projeto de pesquisa (CNPq) que investiga estratégias de notação para música contemporânea, sob a orientação do professor Acácio Piedade, e é integrante do naipe de metais da banda Brass Groove Brasil.

Siga o fábio nas redes sociais

Sonoridade diferenciada da música brasileira

Nossa História

A Brass Groove Brasil surgiu com o ideal de evidenciar os instrumentos de sopro como solistas principais em uma proposta diferenciada no estado de Santa Catarina.